Como Organizar seu Salão de Beleza de Forma Simples

Como Organizar seu Salão de Beleza de Forma Simples

 

Você vai precisar basicamente de Listas de Verificação.

Acredite, pequenas listas podem organizar absurdamente o seu salão de beleza, melhorar sua performance (fazer mais com menos) e ainda contribuir para o aumento do seu faturamento.

Repare que Franquias sempre trabalham com listas de verificação, com procedimentos. Isso diminui a margem de erro dos funcionários, afinal, está escrito claramente o que se deve fazer e em qual ordem.

Um Hospital americano utilizou esta exata estratégia de lista de verificação para reduzir os números de infecções em pacientes. As atividades listadas eram muito simples, tais como: lavar as mãos com sabão, usar máscara, avental e luvas esterilizadas. Claro que muitos médicos estavam céticos sobre esta lista, afinal, eram atividades tão óbvias que eles não acreditavam em sua utilidade.

Incrivelmente, na medição dos primeiros resultados, cerca de 33% dos médicos esqueceram ao menos uma das etapas básicas e fundamentais, resultando em uma taxa de 11% de infecções.

Preocupante não?

Em um segundo momento, o hospital resolveu então obrigá-los a seguir a lista de verificação. Resultado: 1 ano depois, a taxa de infecção caiu de 11% para 0%.

Listas de Verificação são poderosas e úteis para todos os tipos de negócios, inclusive para salões de beleza.

Se você ainda não se convenceu, confira 4 Motivos para aplicar esta estratégia em seu dia a dia ainda este mês.

1. Listas de verificação tornam a experiência do cliente incrível.

Quando eu citei as franquias acima, provavelmente você deve ter pensado que a ideia das listas é transformar o seu salão de beleza em algo mecânico e impessoal, mas não é isso.

O ponto é que a experiência do cliente precisa ser padronizada e incrivelmente planejada antes. Quando você visita uma franquia que já conhece, você sabe o padrão de qualidade e serviço que te espera, concorda? E é justamente por isso que volta lá de tempos em tempos.

Se você oferece uma pequena massagem relaxante durante um determinado tratamento de beleza, certifique-se de isso ocorra sempre! Se o seu salão tem Wi-fi grátis, carregador de celular para as clientes, café e água. Garanta que isso seja sempre oferecido.

Quando a experiência da cliente é planejada, o resultado que se deve esperar é o seguinte tipo de comentário:

“Nossa, ficou muito bom. Com certeza eu vou voltar mais vezes”.

E voltar mais vezes é tudo o que você quer que a sua cliente faça, certo?

Então agora é com você.

Monte a sua primeira lista de verificação para os principais tratamentos de beleza e cortes do salão. Não se preocupe em ficar perfeito da primeira vez. O mais interessante é fazer esta primeira versão e ir melhorando ao longo do tempo.

A medida em que vai adicionando novos itens a lista e testando com as clientes, na sequência, você deve medir o que dá mais resultado (cliente feliz e boa lucratividade) e ir eliminando o que não dá tanto resultado.

2. Facilitam o gerenciamento da sua equipe

Muitos salões de beleza reclamam sobre o quanto é difícil gerenciar suas equipes, mas quando perguntamos: Ok, mas onde estão os seus procedimentos (listas de verificação) de trabalho? de quanto em quanto tempo a sua equipe é treinada?

Um silêncio constrangedor geralmente surge.

As listas de verificação ajudam justamente neste ponto.

Quando está claramente escrito o que precisa ser feito e em qual ordem, não existe desculpa para não fazer. E mais, estas listas podem te ajudar a delegar as tarefas para outros profissionais quando alguém da sua equipe falta ou quando a demanda aumenta repentinamente em seu salão.

Óbvio que estas listas não substituem um bom treinamento com sua equipe, mas ajudam a reforçar no dia a dia os principais pontos que não podem ser esquecidos.

3. Melhoram a performance de pequenas partes do processo

Uma vez que a experiência da sua cliente no geral é incrível e, que o seu time de profissionais sabe exatamente o que fazer em cada situação, agora é chegada a hora de ir para o próximo nível.

Escolha uma das listas de verificação que você criou e procure se aprofundar. Pense em como fazer mais e melhor.

Exemplo: Imagine que o seu salão de beleza tenha uma lista que contempla servir um suco refrescante para a sua cliente no meio de seu atendimento.

A sua tarefa agora é pensar em como fazer um suco ainda melhor, procurando receitas e melhorando esta pequena parte do seu processo.

Pense em salões que servem café. Como fazer um café ainda melhor? Como garantir que ele sempre estará na temperatura ideal e servido no copo correto?

Claro que você não tem que fazer isso para tudo. Faça somente para itens essenciais e impactantes na experiência da sua cliente.

4. Reduzem o stress e a incerteza dos seus colaboradores

Da mesma forma que as listas melhoram o seu gerenciamento, elas também reduzem as preocupações da sua equipe. Pois agora todos sabem o que você espera deles.

Listas de verificação se tornam ainda mais eficazes quando se trata de capacitar e reduzir o stress de novos funcionários.

Como fazer as listas de verificação funcionarem corretamente

Neste ponto acredito que você já se convenceu de que pequenas listas podem economizar tempo, dinheiro, aumentar a produtividade e tornar a experiência da sua cliente perfeita.

Agora, o grande desafio é implementá-las em seu dia a dia. Para isso preparamos algumas dicas e os seus primeiros passos:

  1. Faça com que as listas de verificação façam parte da cultura do seu salão de beleza;
  2. Deixe claro para o seu time de que o objetivo das listas é melhorar processos e não encontrar culpados por erros;
  3. Dedique um tempo a cada 15 dias para revisar as listas e medir os resultados;
  4. Insira o seu time na construção destas listas, isso aumenta o comprometimento de todos.

Por fim, caso você ainda não tenha conseguido pensar em suas listas de verificação, segue uma sugestão do que NÃO fazer em seu salão de beleza.

7 Coisas que uma mulher odeia em um salão de beleza

  1. Sua opinião e desejo não ser respeitado. Acredite, você pode orientar a cliente, mas deve respeitar ao máximo o seu desejo. O cabelo e o dinheiro é dela, lembra?
  2. Falar com ela enquanto está lavando o seu cabelo. Pense: este é um momento de relaxamento para a cliente e “puxar” conversa nesta hora é uma péssima ideia.
  3. Falar mal do serviço feito em seu cabelo por outro profissional. Se a cliente está em seu salão e não no do concorrente, então, ela já se deu conta de que você é melhor. Não é ético da sua parte criticar os outros. Mantenha o foco em fazer a cliente feliz.
  4. Fazer comentários negativos (fofocas) sobre outros clientes ou profissionais. As vezes não falar nada é a melhor solução.
  5. Entrar em contradição sobre determinados serviços prestados anteriormente.
  6. Vendedoras “empurrando” algo que elas não querem e não pediram para ver.
  7. Não deixar claro o preço de cada serviço. Se um serviço é composto de outros, informe os custos envolvidos.

Exemplo: Quando a cliente pergunta o preço da hidratação, ela não necessariamente sabe que precisa hidratar, secar etc. E mesmo que saiba, você é quem tem obrigação de detalhar tudo o que ela precisa para atingir o resultado desejado.

Viu como uma lista simples de 7 itens do que Não Fazer pode revolucionar o seu salão de beleza?

Agora é com você!

banner-blog-sem-logo-2

Aprenda Mais!

7 Comments


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares